Correio de Coimbra

Jornal informativo da Diocese de Coimbra. Assine e divulgue o nosso semanário. 239 718 167. fax: 239 701 798. correiodecoimbra@mail.telepac.pt

A minha fotografia
Nome:
Localização: Coimbra, Portugal

17 de junho de 2008

Nas comemorações do seu padroeiro

Paróquia dos Olivais aposta na evangelização


Santo António é um dos santos mais populares no mundo. Conhecido no mundo inteiro encontra-se representado em diversas igrejas, capelas, casas particulares, sob a forma de imagens, azulejos, pinturas, cânticos e lendas. A Paróquia de Santo António dos Olivais, em Coimbra, comemorou, uma vez mais, o seu padroeiro. A presença de D. Ximenes Belo (no dia 13 de Junho), a procissão de Santo António (dia 14 de Junho) e a apresentação do novo projecto de evangelização no dia da Festa da Comunidade (dia 15 de Junho) marcaram as cerimónias religiosas em Coimbra.



D. Ximenes Belo, antigo administrador apostólico de Díli (Timor-Leste) e Nobel da Paz em 1996 presidiu à eucaristia do dia 13 de Junho, dia da sua efeméride. D. Ximenes Belo ma sua homilia falou das devoções do povo de Timor em relação ao santo português. "É prática daquela gente, nomeadamente os agricultores, levarem uma imagem do santo e percorrer as sementeiras, de forma a garantir uma boa colheita, pedindo a protecção de Santo António contra eventuais pragas", recordou D. Ximenes Belo. Outro acontecimento, que o antigo administrador de Díli, recorda com alguma emoção é a passagem das relíquias de Santo António pelos distritos de Timor, em 1996, ainda no tempo da soberania da Indonésia. "Formaram-se verdadeiras multidões por onde elas passavam. "Foi um verdadeiro milagre por não ter existido nenhum acidente", relata o prelado. Segundo D. Ximenes Belo existem actualmente quatro igrejas dedicadas a Santo António.
Outro dos momentos mais marcantes dos festejos de Santo António, na freguesia dos Olivais foi a procissão nocturna do dia 14 de Junho. Um percurso da Igreja até ao mosteiro de Celas levou muitos fiéis a pedir a intercessão do Santo para com os mais desfavorecidos e os doentes. Uma procissão bem organizada e muito solenizada, sem "barulhos" que normalmente não estamos muito familiarizados.
As festas terminaram no passado domingo, com o "Dia da Comunidade". A Eucaristia presidida pelo pároco Frei Domingos Celebrin congregou grande parte da comunidade cristã dos Olivais à volta do seu padroeiro. As festas, este ano, dedicadas às crianças, marcaram presença junto do altar. Frei Domingos aproveitou a ocasião para anunciar o novo projecto da paróquia – "Casa". Segundo Frei Domingos, este projecto pretende "envolver, através da figura de Santo António, todas as crianças da paróquia, e as suas respectivas famílias para uma caminhada espiritual, de fé e formação". Mais tarde, os promotores deste projecto pretendem alargar às crianças que não pertencem a paróquia. Para já, estão previstos para o próximo ano pastoral, três grandes encontros de convívio e formação com as 80 crianças inscritas. Na missa do passado domingo, foram entregues às crianças previamente inscritas uns cachecóis, com um logótipo desenhadas por elas do respectivo projecto que pretende dar outro impulso na evangelização daquela comunidade.
A solene eucaristia terminou com a bênção e entrega do pão de Santo António. Um acto simbólico para que os fiéis não se esqueçam de partilhar com aqueles que não tem.



Miguel Cotrim

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial