Correio de Coimbra

Jornal informativo da Diocese de Coimbra. Assine e divulgue o nosso semanário. 239 718 167. fax: 239 701 798. correiodecoimbra@mail.telepac.pt

A minha fotografia
Nome:
Localização: Coimbra, Portugal

28 de janeiro de 2009

CAF - Coimbra: dez anos a ajudar a Família


Foi há cerca de dez anos que, numa salinha acolhedora da Casa de Santa Zita, em Coimbra, o Secretariado Diocesano da Pastoral Familiar (SDPF), numa feliz parceria com o Instituto Secular das Cooperadoras da Família, fez surgir o Centro de Aconselhamento Familiar – o CAF Coimbra.
Desde então para cá, (in)felizmente mais de 2200 pessoas foram atendidas, quase 4000 encontros foram realizados, continuando a crescer de ano para ano o número de solicitações, embora se mantenham as principais motivações: conflitos conjugais e geracionais.
Para assinalar este aniversário, o SDPF vai promover uma sessão solene no próximo dia 30 de Janeiro, pelas 21h e 30 minutos, na Casa Municipal da Cultura, com a presença, entre outras individualidades, do Bispo de Coimbra, D. Albino Mamede Cleto, do Governador Civil (em representação da Subsecretária de Estado Adjunta da Reabilitação), da autarquia coimbrã e da Dra. Ana Cid Gonçalves, secretária-geral da APFN (Associação Portuguesa de Famílias Numerosas), que proferirá uma conferência subordinada ao tema “Família, garantia de futuro”, aberta a todas as pessoas.
Depois da conferência, haverá oportunidade para se fazer o lançamento de um caderno alusivo aos dez anos de funcionamento deste serviço, bem como de dois outros projectos associados ao CAF – o “Porto Solidão”, uma valência que procurará atender os casos cada vez mais frequentes de solidão, e o “CAF-Jovem”, um serviço de aconselhamento mais dirigido aos namorados e casais novos.
Participantes privilegiados nesta sessão serão os colaboradores destes serviços: um leque alargado de voluntários, especialistas em diversas áreas (assistência social, médica, jurídica, psicológica, criminal, religiosa, conjugal, etc.) que, abnegadamente, dão (ou passarão a dar) do seu tempo livre, para ajudar os maridos, as esposas, os filhos, os avós, a terem uma carga menos pesada e a sentirem-se mais felizes. (Somos agora tentados a transcrever parte das páginas 37 e 38 do caderno “CAF -Uma história com dez anos”, com casos reais que passaram por este serviço, dando, assim uma ideia da variedade dos dramas que encontram eco no CAF: “Uma filha de 12 anos com ciúmes do companheiro da mãe; um pai aflito com duas crianças pequenas e a mãe com depressão sem capacidade para cuidar delas; uma mãe com cancro, vitima de dois filhos alcoólicos e drogados; um pai aflito com dois filhos que nada fazem e roubam de casa ouro e dinheiro, talvez para comprar droga; uma mãe deprimida separada do marido, com um filho a viver com o pai e um tio, vítima de pedofilia; um cavalheiro muito esgotado, com uma esposa quase sempre doente e com dois filhos ainda menores; cônjuges em que ele ou ela abandonam o lar e deixam os filhos e as dívidas; um professor já reformado dizendo, a chorar, que é maltratado pela esposa de 25 anos; mulheres deprimidas porque fizeram intervenções cirúrgicas e foram abandonadas pelos maridos; tentativa de suicídio de uma jovem mãe que graças à chegada de um filho a casa nesse momento e à intervenção do CAF não concretizou a tentativa de suicídio; uma jovem estagiária que fazia os descontos para a segurança social (e sem ser necessário), vindo mais tarde a descobrir que o patrão não fazia os descontos; diversos relatos de infidelidades e violência doméstica; …”).
Também continua a ser preocupação deste serviço, devido ao seu reconhecido sucesso a nível nacional, a contribuição para a criação de outros centros, quer na diocese, quer fora dela, como já sucedeu no Porto, em Braga, em Viseu e em Portalegre.
O CAF Coimbra e a esta extensa equipa que lhe está afecta, é coordenada, desde o seu início, pela Dra. Emília Cardoso, do ISCF, também responsável pelos primeiros atendimentos e pela triagem, numa dedicação que se estende pelas 24 horas do dia.
Os contactos deste serviço são os seguintes:
Rua Gil Vicente, 2, 3000-202 Coimbra, Telef. 239 723989, Fax 239 401856, TM 969881159 E-mail
cafcoimbra@sapo.pt.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial